Ano VIII - nº 21  |   jan-abr de 2016  |   ISSN 1983-2354
HISTÓRIA DO NEGRO NO BRASIL: LUTA E RESISTÊNCIA

A inscrição de um território negro urbano: introdução a uma pesquisa em Carapicuíba – SP

Pesquisadores apresentam resultado do trabalho de pesquisa de referências da população negra na cidade de Carapicuíba, município do estado de São Paulo, para uso na educação. Leia Mais »

A fundação da Colônia de Sacramento, e a chegada do negro no estremo sul da América a partir de 1680

Historiador destaca a presença do negro na formação do Rio Grande do Sul,a partir da Colônia do Sacramento, um ponto de comércio de escravos e, fomento da clandestinidade e do contrabando na venda de escravizados. O autor ainda destaca a participação do negro para além da utilização deste como mão-de-obra principal no desenvolvimento das charqueadas e na agricultura. Leia Mais »

A hora de rodar a baiana: preservação das matrizes de origem africana na religiosidade brasileira contra a intolerância

Baiana
O acirramento dos conflitos deflagrados pelas religiões pentecostais contra a religiosidade de matriz africana, no Brasil é tema do artigo de Álvaro Roberto Pires. O autor chama a atenção para a destruição parcial do terreiro Oyá Onipó Neto, na cidade de Salvador como um episódio recente da intolerância religiosa em nosso país. Leia Mais »

Mulheres negras no século XIX: entre a submissão e a rebeldia

Artigo traz reflexões sobre a condição social das mulheres negras no Mato Grosso, no século XIX e investiga em que medida a situação social feminina e negra se diferenciava das outras categorias sociais. Leia Mais »

Burlando a vigilância: repressão policial e resistência negra no Recife do século XIX (1830-1850)

O historiador Wellington Barbosa da Silva, da UFRPE, analisa as tentativas das autoridades policiais de Recife, no século XIX (1830-1850), em coibir os ajuntamentos de negros pelas ruas, praças, chafarizes e tabernas. Leia Mais »

Memorial Kisimbê: preservando os saberes e fazeres do terreiro mokambo

Bibliotecária destaca a importância dos terreiros de candomblé para a preservação da memória, da criação de atividades educacionais, patrimoniais e a disseminação do etnoconhecimento. Segundo a autora, o Memorial Kisimbê tem como objetivo gerar uma reflexão sistemática à luz dos conteúdos teóricos, acerca de sua vivência local e os saberes aí constituídos; possibilitando o acesso a informação a pesquisadores e a toda comunidade interessada na cultura afro-brasileira. Leia Mais »

Do calundu colonial aos primeiros terreiros de candomblé no Brasil

Resistência e organização social: de culto doméstico à organização político-social-religiosa é tema de análise da pesquisadora Nágila Oliveira dos Santos. Leia Mais »

Memória e a construção social da identidade dos remanescentes quilombolas

Artigo suscita reflexões sobre o processo de formação histórica dessas comunidades bem com os processos identitários desses grupos através da (re) elaboração da postura destas comunidades mediante a sua condição de remanescente quilombola e a (re) apropriação de sua identidade étnica Leia Mais »

Lei do Sexagenário

Pesquisadora traz na íntegra o texto da lei Saraiva-Cotegipe, conhecida como lei do sexagenário.

A nossa consciência negra

De acordo com ativista do movimento negro a nossa consciência negra é fenômeno recente.

Abolição: 120 anos depois

O coordenador do Fórum Mineiro de Entidades Negras, afirma que a exclusão substituiu a escravidão com igual teor de perversidade.

Negros escravos, negros papa-méis: Fugas e sobrevivência africana nas matas de Alagoas e Pernambuco no século XIX

Professora e pesquisadora Janaína Cardoso de Mello revela o caráter insurrecional da guarda-negra papa-mel na Revolta da Cabanada, no interior das matas do sul de Pernambuco e norte de Alagoas. Leia Mais »

A saúde da mulher: A violência como problema de saúde pública e a importância do recorte étnico/ racial

Ana Elisa de Araújo Messias discute a importância do reconhecimento do recorte étnico/racial na questão da saúde pública, do qual o racismo é fator somatório na vida da mulher negra.. Leia Mais »

Congresso Nacional do Negro de 1958

Historiador analisa o contexto e a importância deste congresso para as discussões e construção de novas alternativas políticas de inserção do negro na sociedade brasileira.Leia Mais »

(Re)vivências negras: Entre batuques, bailados e devoções - práticas culturais e territórios negros no interior paulista (1910-1950)

Alexandre Emboada da Costa, da Cornell University, resenha obra de Sérgio Luiz de Souza, que traz uma analise das práticas sociais e culturais das populacões negras entre as décadas de 1910 e 1950 na cidade de Ribeirão Preto, no interior Paulista. Leia Mais »

Mulheres negras brasileiras construindo identidades negras positivas: um caminho para a consolidação da cidadania

Texto analisa o movimento de organização autônoma de mulheres negras enquanto sujeitos políticos.